Destaques do Dia Maringá

Fiscalização recebe 422 denúncias, vistoria 52 locais, fecha 13 e multa uma pessoa

Trabalho da fiscalização é orientativo passando informações sobre decreto Foto: Aldemir de Moraes/PMM Arquivo

As denúncias são feitas através do 156 da prefeitura

 

A prefeitura de Maringá recebeu 422 denúncias da comunidade na noite desta segunda-feira (06). Reclamações geraram 52 vistorias da fiscalização da Mobilização Integrada, 38 orientações e 13 estabelecimentos fechados. Durante as rondas pelos bairros, uma pessoa foi multada à tarde por não usar máscara de proteção. Entre locais vistoriados ontem estavam bares, tabacarias, mercados, praças, lojas, pizzarias, lanchonetes, entre outros.

Coordenação do Grupo de Gestão Integrada sobre Coronavírus (GGI) se reuniu na manhã de hoje no Paço Municipal. Grupo debateu novos procedimentos conforme decreto municipal 943/2020 em prevenção ao coronavírus anunciado ontem. Entre eles, ampliar vistoria e orientação preventiva em espaços públicos.

Ação deu bons resultados no último final de semana. Inclusive com agradecimentos de moradores próximos aos locais das operações entre sábado e domingo. Como Parque Tecnológico, Parque Cerealista e Jardim Monte Sinai. Regiões acumulam denúncias nos finais de semana, com casos de som alto, vandalismo, consumo de bebidas e drogas, desrespeito às leis de trânsito, invasão de propriedade particular, entre outros.

Diretor da Ouvidoria Municipal, Marcos Boggo, informa que desde começo da fiscalização sobre decretos em 20 de março até essa semana já foram registrados 152 elogios de moradores após atendimentos de casos como perturbação do sossego, aglomeração de pessoas, festas, entre outros.

Participam da fiscalização equipes das secretarias da Fazenda (SeFaz), da Saúde, de Mobilidade Urbana (Semob), Meio Ambiente (Sema), Guarda Municipal, Comunicação e apoio da Polícia Militar. Denúncias devem ser feitas no 156 sobre descumprimento do decreto e no 153 ou 190 sobre perturbação do sossego.

ANÚNCIE NESTE ESPAÇO