Destaques do Dia Região

Suspeito de assalto morre em confronto armado com a PM

Betão ficou tentando fugir da polícia por 24 horas. Fotos: Zé Luis

Morador de Jaguapitã trocou tiro com a Choque Canil de Maringá

 

Erivelton Aparecido da Cruz, de 36 anos, o vulgo Betão, morreu em um confronto armando com a polícia de Maringá, na noite de sexta-feira (29), em Astorga.

De acordo com a Polícia Militar, Betão havia praticado um assalto em Jaguapitã e durante o cerco policial com apoio da Choque Canil de Maringá deram voz de abordagem ao meliante.

Após um dia de caça, com apoio do cão farejador o assaltante foi encontrado, reagiu a prisão e trocou tiro com a PM. Com treinamento apurado os policias atiraram contra Betão que tombou morto e aguardou a viatura do IML para remoção do corpo.

ANÚNCIE NESTE ESPAÇO